16
Qua, Jan

“Eleição de Rui Semedo comprova que o PAICV ainda não é alternativa para Cabo Verde” – Presidente da JpD

Opinião
Tipografia

Depois de muita celeuma, e de falar tanto na necessidade de renovar a classe política nacional, o máximo que o partido tambarina consegue apresentar aos cabo-verdianos, como líder parlamentar, é o reformado Rui Semedo, um homem que eu e toda a minha geração cresceu a ver na televisão, com o mesmo visual e a dizer sempre as mesmas coisas.

 

Opinião de Euclides Silva - Presidente da JpD

 

Para um partido que grita a quatro ventos sobre a transparência, sobre a ética e a moral, eleger um homem multado e acusado pela Electra por furto de energia, mostra claramente que já jogaram a toalha ao chão e desistir de lutar nas próximas eleições. Mas isso não começou agora. Começou quando não conseguiram uma alternativa melhor a uma Sra. que depois de mandar os jovens “djuguta” na venda pastéis e canja, foi humilhada pelos jovens nas urnas. Encaixou a maior derrota de sempre numa eleição autárquica.

Mesmo assim, os tambarinas continuam a achar que o povo que é “nocenti” e que escolheu errado. Eles estão certo e continuam a apostar em quem o povo rejeita.
Isso só nos leva a concluir que o PAICV já desistiu, com cerca de 3 anos de antecedência, das 0próximas eleições e os seus dirigentes estão a premiar os mais fiéis com os poucos lugares que ainda tem para distribuir.