17
Sab, Abr

Faleceu Dom Pedro Carlos Zilli, bispo de Bafatá, na Guiné-Bissau

Igreja
Tipografia

Morreu nesta quarta-feira (31), em Bafatá, na Guiné-Bissau, o bispo Dom Pedro Zilli, nascido em Santa Cruz do Rio Pardo, em São Paulo, Brasil. 

 

O bispo estava internado para tratar a Covid-19 desde o dia 11 de março, vinha em boa recuperação, mas teve queda brusca de saturação em poucas horas e não teve tempo de sequer ser entubado.

Dom Pedro Zilli tinha 66 anos e era missionário na Guiné-Bissau desde 1985, quando foi ordenado como sacerdote. O bispo deixa mãe e família no Brasil.

Dom Arlindo reagindo à notícia recorda a amizade de um grande amigo de Cabo Verde e dos cabo-verdianos. “Era um pastor muito próximo das pessoas”. 

Biografia 

Dom Pedro Carlos Zilli (PIME) nasceu em Santa Cruz do Rio Pardo (SP) no dia 7 de outubro de 1954.  

Foi ordenado sacerdote no Pontifício Instituto Missões Exteriores (PIME) no dia 5 de janeiro de 1985. Logo após a ordenação, foi enviado em missão para  Guiné-Bissau, tornando-se vigário paroquial na missão de Bafatá.  

Foi nomeado o primeiro bispo da Diocese de Bafatá no dia 13 de março de 2001. Sua ordenação episcopal aconteceu no dia 30 de junho de 2001. 

Desde 19 de agosto de 2001, quando foi empossado como bispo diocesano de Bafatá, Dom Pedro pastoreou com muito zelo e amor essa Igreja particular a qual foi enviado.  

 

TN  Redação 

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS