24
Seg, Jun

Celina Pereira vai ser homenageada pela SCM

Música
Tipografia

A Sociedade Cabo-Verdiana de Música (SCM) promove no próximo dia 14, a segunda edição da Noite de Autores, para celebrar o Dia Mundial do Direito do Autor, num evento em que Celina Pereira é a grande homenageada.

A informação foi avançada hoje à imprensa, pela presidente da SCM, Solange Cesarovna, apontando ainda que o certame acontece na Praça Luís de Camões, Cidade da Praia e será aberto ao público.

Conforme aquela responsável, a data de comemoração do Dia Mundial do Direito do Autor foi instituída pela Unesco, sendo que em Cabo Verde será celebrado com uma semana intensa de actividades.

Entretanto o ponto alto estará reservado para o dia 14, em que vários artistas subirão ao palco na Noite de Autores, “numa mistura de gerações que vêm contribuindo para que a música cabo-verdiana seja a embaixadora de Cabo Verde no mundo”.

Gil Semedo, Bitori Nha Bibinha, Beto Dias, Neuza de Pina, Arlindo Évora, Jenifer Solidade, Rosa Borges, Mindela Soares e Kaku Alves são os artistas que vão actuar, reservando a organização “muitas surpresas” ainda nesta edição.

Celina Pereira será a homenageada da noite, por “ser uma das interpretes que consagrou e partilhou a música cabo-verdiana” desde o início da sua carreira e por ter “promovido” grandes autores com a sua voz, justificou a mesma fonte.

Para Solange Cesarovna, a Noite de Autores vem na filosofia de voltar a “privilegiar” o entusiasmo que é o trabalho em prol da defesa do direito do autor, dos direitos do artista e dos músico cabo-verdianos.

Explicou que o direito do autor vive uma nova era, e todos os autores, artistas e criadores estão mais próximos de verem compensados a utilização da obra musical deles, nos diversos meios em que é utilizado.

“Com isso, está mais perto a possibilidade da profissionalização do sector musical em Cabo Verde e de um autor ou um artista optar por viver de música enquanto profissional desta área com as condições preparadas neste sentido”, realçou.

A segunda edição da Noite de Autores coincide ainda com uma semana em que a capital do país irá receber vários artistas e produtos internacionais, que participam no Atlantic Music Expo (AME) e o Kriol Jazz Festival.

Nesta linha, Solange Cesarovna destacou que a escolha do dia 14 surge também nesta perspectiva, tendo em conta a presença de vários actores ligados à música, que abraçam também “a nobre causa” do direito do autor.

Por outro lado, a responsável referiu que a Sociedade Cabo-Verdiana de Música quer fazer do evento uma festa familiar, “na qual todos podem e devem participar”.

TN com Inforpress

 

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS