17
Qui, Out

Impostos em Cabo Verde rendem mais de 29.737 milhões de escudos no primeiro semestre

Economia
Tipografia

As receitas fiscais cabo-verdianas aumentaram mais de 6% no primeiro semestre de 2019, em termos homólogos, ultrapassando os 29.737 milhões de escudos, impulsionadas pelo Imposto sobre o Valor Acrescentado (IVA), que disparou 10%, segundo dados oficiais.

Segundo a Agência Lusa, a partir do mais recente relatório estatístico do Banco de Cabo Verde, as receitas fiscais incluem também o Imposto Único sobre o Rendimento, Imposto sobre o Consumo e Imposto sobre Transações Internacionais.

Globalmente, de janeiro a junho último, o Estado arrecadou mais de 29.737 milhões de escudos em impostos, uma subida de 6,2% face ao primeiro semestre de 2018.

A impulsionar este registo surge o IVA, que garantiu em seis meses mais de 11.997 milhões de escudos, contra os 10.950 milhões de escudos do semestre homólogo do ano passado, equivalente a uma subida de praticamente 10%.

O Imposto sobre os Rendimentos representou nos primeiros seis meses do ano 9.080 milhões de escudos (82,1 milhões de euros), um aumento homólogo face a 2018 de 6,2%.‬

De acordo com relatórios do Governo cabo-verdiano, o Estado conseguiu arrecadar 96,1% dos 42.327 milhões de escudos de receitas orçamentadas para todo o ano de 2018, verba equivalente a 40.676 milhões de escudos .

Em 2018, o Estado arrecadou praticamente a totalidade da receita de IVA que estava orçamentada para o exercício do ano, que foi de 16.258 milhões de escudos.

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS