19
Seg, Nov

As receitas fiscais em Cabo Verde representaram 19% do Produto Interno Bruto em 2016, de acordo com um relatório sobre estatísticas de receitas em África apresentado hoje pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE).

Os armadores filiados na Associação Cabo-verdiana dos Armadores da Marinha Mercante (ACAMM) consideram que a participação na quota de mercado de 25% da concessão do transporte interilhas é um “alto investimento sem retorno” e, por isso, não vão participar.

Mais artigos...